Onda Vaga: a banda argentina que exala o espírito praieiro de verão

onda-vaga

O Onda Vaga surgiu no verão de 2007 em Cabo Polônio, no Uruguai. Este ano, portanto, a banda completa 10 anos. Para chegar a Cabo, é preciso caminhar ou ir de jardineira. O lugar, que lembra a Jericoacoara dos idos tempos, é isoladão, lindo, ainda quase inóspito. Foi lá que os músicos argentinos Nacho Rodríguez, Marcelo Blanco, Marcos Orellana e Tomás Justo Gaggero se reuniram pela primeira vez e começaram a fazer um som. Tipo assim: uma rodinha de música no entorno da fogueira. Nascia o Onda Vaga, a quem o músico Germán Cohen se uniria logo depois.

Desde o álbum de estreia, Fuerte y Caliente, em 2008, a banda vem colecionando boas críticas: melhor disco do ano (jornal Pagina 12), disco do ano (Rolling Stone argentina), melhor banda (Pagina 12). Cinco anos, dois discos e muitos shows depois, o Onda Vaga já se firmava como uma das melhores bandas argentinas da atualidade, atraindo a atenção inclusive de gente como David Byrne (ex-Talking Heads), que escolheu uma das músicas dos garotos para integrar um playlist de “best of” latino-americana em sua rádio online.

A banda faz um som que exala o espírito praieiro: pés no chão, shorts, entardecer vermelho, um drink, camping, a lua que chega grande no céu, amigos fazendo um som à beira de uma fogueira. Uma mescla de cumbia, reggae, rock e até algo de folk, com um trabalho forte de percussão.

Você escuta Mambeado e Sequia de Amor, de Fuerte y Caliente. Despedida está em OV VI, mais recente disco do Onda, de 2016. Pode se largar.

 

 

 

 

Advertisements

One thought on “Onda Vaga: a banda argentina que exala o espírito praieiro de verão

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s